Surgimento da Família Hermsdorff

A Família Hermsdorff surgiu no século XV, na Germânia, mais especificamente na antiga Francônia.
Os historiadores contam que o primeiro vestígio desta família foi na pessoa de Her Friedrich Rudolf Vom Hermsdorff (1379 - 1447). Um Cavaleiro sob a Disnatia de Sigismund, grande guerreiro e leal aos seus princípios, teve envolvimento na era do "Conselho de Constance" (1414), onde cerca de cinco mil eclesiásticos, cardiais e bispos se uniram com homens sábios, cavaleiros e embaixadores, na escolha de três candidatos ao trono Papal.
O novo Papa Martin V foi escolhido e assumiu a posição como sucessor de Gregório XII.
(Dados fornecidos por Arte Heráldica de Nova Friburgo-RJ)


Webmail Hermsdorff.net

Clique aqui para acessar o Webmail.
Se você também deseja ter um e-mail com seunome@hermsdorff.net envie-nos uma mensagem fazendo a solicitação através do formulário de contato.


A Primeira Geração

O primeiro Hermsdorff a vir para o Brasil foi o Sr. Wilhelm Edward Hermsdorff que, após chegar a cidade de Nova Friburgo/RJ, no ano de 1824, foi naturalizado com o nome de Guilherme Eduardo Hermsdorff.
Casou-se com Juliana Emmerique, em 26 de dezembro de 1839, na Igreja Luterana de Nova Friburgo/RJ, e com ela teve onze filhos, quais sejam:

Leia mais sobre isso.

Grafia e Significado do Nome

A palavra Hermsdorf é grafada exatamente assim, seja ela um toponímio ou um sobrenome. Foi com esta forma do sobrenome que Heinrich Wilhelm Eduard chegou ao Brasil.
Hermsdorf é um substantivo composto de 3 elementos:
1) Herm: forma dialetal curta der Hermann, prenome alemão (em Latim: Arminius; em Francês: Armand; em Italiano: Ermanno; em Espanhol e Português: Armando)
2) s: um infixo de ligação, muito comum em alemão quando se juntam duas palavras para formar-se uma terceira
3) Dorf: aldeia / vila
Assim, o significado da palavra é “aldeia de Armando”. Existem na Alemanha pelo menos 1 cidade grande com este nome, 2 cidades menores e 14 localidades. Na origem de cada um dos 17 toponímios estava, muito provavelmente, um Hermann que ali habitava. Com o passar do tempo, cada uma das 17 regiões passou-se a chamar Hermsdorf.
Note-se aqui que em qualquer língua européia e em tempos muito antigos (inclusive no Português e no Alemão), o nome do lugar onde uma família habitava foi adotado pouco a pouco como sobrenome daquela família, quando foi preciso emitir um documento escrito para a família em questão (um título de posse, um certificado de nascimento, morte etc.).     Leia mais sobre isso.

Árvore Genealógica

Estamos montando, com sucesso, a árvore genealógica da Família Hermisdorff. Atualmente há dados (incompletos) até a 7ª Geração. Contribua com este projeto para enriquecer a nossa árvore e darmos este importante passo para registro e conhecimento de nossa história!

Saiba mais sobre isso.

Guilherme Edelberto Hermsdorff

Filho de Jorge Guilherme Hermsdorff e Maria Felipian Gripp, segunda geração, do segundo matrimônio de Ghilherme Eduardo Hermsdorff, nasceu em 15 de agosto de 1899, em Amparo/RJ.
Fez as primeiras letras no colégio Amparo, com o professor Lugon; o curso primário no Colégio Baptista de Nova Friburgo e o ginásio no Colégio Alberto Fottes, em Niterói/RJ e no Ginásio de Itajubá/MG.
Formou-se em medicina veterinária em 1926, na extinta Escola Superior de Agricultura e Medicina Veterinária. Foi o primeiro aluno dessa escola desde a sua fundação. Chegou a receber um diploma com distinção e uma viajem ao exterior para aperfeiçoamentos técnicos.
Na França, fez o curso de Parasitologia na Faculdade de Medicina de Paris e o curso intensivo de Medicina Veterinária Exótica.

Em seguida, perante a Universidade de Paris, defendeu com distinção e louvor a tese “Acuarioses dês Oiseaux Domestiques”, obtendo, assim, o título de Doutor em Veterinária. Recebeu, ainda nesta ocasião, a medalha de bronze em Menção Honrosa conferida pela “Commision dês prix de thése de Paris”.
Visitou os principais centros de estudos dos seguintes países: França, Bélgica, Suíça, Holanda, Dinamarca e Alemanha; passou três meses nos Estados Unidos a convite do Escritório Técnico de Agricultura Brasil-Estados Unidos.

Saiba mais sobre ele.

Contato

Envie-nos sugestões, histórias, pesquisas ou qualquer outro material que seja interessante divulgarmos neste site.

Cidadania Alemã

Muitos me perguntam se é possível obter cidadania alemã em decorrência de nossos antepassados.
A resposta é: sim, é possível. E, não, não é fácil.
Segue abaixo links com instruções da Embaixada Alemã no Brasil:

Perguntas e Respostas da Embaixada Alemã sobre nacionalidade.

Cartilha com os requisitos para arquisição ou perda da nacionalidade alemã.

www.000webhost.com